Home>BIRD Magazine>VIH: 30 ANOS 30 FACTOS
BIRD Magazine

VIH: 30 ANOS 30 FACTOS

No dia em que se assinala o Dia Mundial da Luta Contra a Sida, a BIRD MAGAZINE culminou 30 facto importantes sobre a doença.

O VIH terá tido origem em África, na bacia do Congo, provavelmente na década de 1930;

Localização do Congo
D.R.: Google imagens

43 mil pessoas foram infetadas em Portugal, desde 1983;
Há dois tipos de vírus da imunodeficiência humana: o VIH1 e o VIH2, cada um com vários subtipos determinantes para a evolução da doença;
O VIH1 é o mais comum, agressivo e rápido a destruir o sistema imunitário;

Imagem do vírus
D.R.: Google imagens

Desde a infecção até ao aparecimento dos primeiros sintomas podem passar mais de dez anos;
O vírus pode ser transmitido através de sémen, fluídos vaginais os sangue infectado;
O cantor e compositor Freddy Mercury morreu em 1991, um dia depois de ter assumido, publicamente, que sofria de sida;
O VIH não se transmite em piscinas, casas de banho, maçanetas, transportes;
Também não se contrai a SIDA através de abraços ou apertos de mão;
10º Para se proteger deve usar o preservativo em qualquer tipo de relação sexual (vaginal, anal ou oral), seja homem com mulher, homem com homem ou mulher com mulher;
11º Não deve partilhar agulhas ou seringas;
12º Mantenha-se seguro evitando contactos com objetos cortantes ou pontiagudos não esterilizados;
13º O VIH/SIDA não tem cura;
14º A palavra SIDA significa Síndroma da Imunodeficiência Adquirida;
15º António Variações terá sido, em Portugal, uma das primeiras figuras públicas a morrer por causa da doença, em 1984;

Cantor português: António Variações
D.R.: Google imagens

16º Atualmente, com as diversas terapias, as pessoas infectadas têm uma esperança média de vida bastante maior;
17º O vírus pode ser transmitido através de transfusões de sangue contaminado. É por isso que só se recebe sangue devidamente testado para o VIH e outras doenças;
18º O resultado positive, no teste, indica que a pessoa está infectada pelo VIH e que pode transmiti-lo a outras pessoas;
19º O resultado negativo indica que, até àquele momento, a pessoa não está com anticorpos contra o vírus do VIH, detectáveis no exame;
20º Se tiver um comportamento de risco, o teste deve ser repetido após 6 a 8 semanas (período de janela), mas com toda a fiabilidade ao fim de 12 semanas, evitando, obviamente, expor-se aos riscos nesse período. Esse é o tempo que o corpo leva para produzir os anticorpos após a infecção;
21º O teste não oferece imunidade contra a doença;
22º Em Portugal, o VIH1 domina, mas há mais casos do que é normal de VIH2;
23º Em 1995 a ONU cria o seu programa contra a sida;
24º Em 1996, nos Estados Unidos, os números de novos casos de VIH cai pela primeira vez;
25º Em 2001 é produzido o primeiro medicamento genérico;

Medicamentos utilizados pelos seropositivos
D.R.: Google imagens

26º Em 2006 é aprovado o medicamento Atripla, que permite uma única toma diária;
27º Magic Johnson, jogador de basquetebol, anunciou em 1991, que era seropositivo e, desde então, tem sido um ativista em prol do sexo seguro;
28º 1959 é a data do primeiro caso documentado de sida;
29º Há, atualmente, toxicodependentes gregos que se injetam VIH para receber um subsídio de 700 euros, revela uma investigação da Organização Mundial de Saúde;
30º O vírus pode ser utilizado no tratamento de casos terminais de leucemia.

Notícias relacionadas: 30 anos de VIH




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.