BIRD Magazine

WHY?

Questiono-me o porque de tanta maldade e crueldade no nosso mundo… Desde tempos remotos ao nosso

CATARINA DINIS

quotidiano, por vezes parece que o “ banho de sangue” tem se mantido sempre por perto. A dor e o sofrimento atroz que um homem pode infligir ao outro não termina. As guerras, a morte injusta, as armas, o fanatismo, as crenças, a violência, a maldade humana, os sentimentos mal resolvidos entre tantos outros trazem a luz obscura a nossa passividade perante a injustiça e atos atrozes praticados pelos humanos, a todas as horas, com decapitações, a pena de morte, a mutilação genital feminina, os ataques bombistas- suicidas alguns perpetrados por crianças… somos surpreendidos (se tal se pode dizer) pela perda de mais vidas humanas e inocentes, arrastadas pelo turbilhão da complexidade da nossa própria mente, aviões que caem no infinito destroçando todos em redor. E no nosso país sou bombardeada com a morte de um anjo nas mãos de um pai… Mas que maldade e crueldade intrínseca que o ser humano teima em viver no seu dia a dia. Desejo tanto a mudança, procura de felicidade, que os “outros” encontrem luz no seu próprio coração, na sua própria vida e no final façam o mesmo por outros. A nossa vida aqui é tão breve para destruirmos seja o for quanto mais a vida humana. Talvez por isso mesmo esta seja uma tarefa pesada para tantos. O amor, a caridade é sem sombra de duvida a nossa melhor arma contra essa maldade e crueldade dominadora nos desertos da existência. Lamento que a liberdade de uns seja no fundo uma arma de maldade.


“O coração humano, tal como a civilização moderna o modelou, está mais inclinado para o ódio do que para a fraternidade.” 
BERTRAND RUSSELL
Com os desejos de uma excelente semana

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.