Home>BIRD Magazine>SINTOMATOLOGIA E TRATAMENTO DA HÉRNIA DISCAL
BIRD Magazine

SINTOMATOLOGIA E TRATAMENTO DA HÉRNIA DISCAL

MARCELO PEREIRA
A palavra hérnia significa projeção ou saída através de uma fissura ou orifício, de uma estrutura contida. O disco intervertebral é a estrutura cartilaginosa que fica entre uma vértebra e outra da coluna vertebral.
Ele é composto de uma parte central, chamada núcleo pulposo ou liquido viscoso, de uma parte periférica composta de tecido cartilaginoso chamado anel fibroso e de uma parte superior e inferior chamado placa terminal. Portanto, a hérnia de disco é a saída do liquido pulposo através de uma fissura do seu anel fibroso.
A extrusão do núcleo pulposo pode provocar uma compressão nas raízes nervosas correspondentes a hernia de disco ou a protrusão. Esta compressão poderá causar os mais diversos sintomas.
Tipo de Hérnias Discais :
Protrusas: quando a base de implantação sobre o disco de origem é mais larga que qualquer outro diâmetro.
Extrusas: quando a base de implantação sobre o disco de origem é menor que algum dos seus outros diâmetros ou quando houver perda no contacto do fragmento com o disco.
Sequestradas: quando um fragmento migra dentro do canal, para cima, para baixo ou para o interior do forâmen.
SINTOMAS DA HÉRNIA DE DISCO
Os sintomas mais comuns são dores localizadas nas regiões onde existe a lesão discal, podendo estas dores serem irradiadas para outras partes do corpo. Quando a hérnia é na coluna cervical as dores irradiam para os braços, mãos e dedos. Se a hérnia discal é lombar, as dores irradiam para as pernas e pés. O paciente pode também sentir formigueiros e dormência nos membros. Nos casos mais graves, pode haver perda de força nas pernas e incontinência urinária.
DIAGNÓSTICO 
O diagnóstico pode ser feito clinicamente, levando em conta as características dos sintomas e o resultado do exame neurológico. Exames como TC e Ressonância magnética ajudam a determinar o tamanho da lesão e em que exata região da coluna está localizada.
TRATAMENTO PARA HÉRNIA Discal
O tratamento em muitos casos é um sucesso,conseguindo evitar se a cirurgia . Para isto há tem que se realizar uma boa avaliação de cada pessoa a fim de avaliar o grau e a gravidade da hérnia discal . 
Tratamentos :
FISIOTERAPIA;
Osteopatia;
Acupuntura
MESA DE FLEXÃO-DESCOMPRESSÃO
ESTABILIZAÇÃO VERTEBRAL
PILATES
Eletrólise Percutánea Músculo esquelética 
Hidroterapia .
Exercício terapêutico
Entre outros .

De salientar que o tratamento é a junção de varas técnicas e vários tipos de tratamento só assim permitirá evitar a cirurgia .

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.