Home>BIRD Magazine>UNIDOS E A FAZERMOS HISTÓRIA
BIRD Magazine

UNIDOS E A FAZERMOS HISTÓRIA

MÁRIO COSTA 
Desde janeiro deste ano que tenho feito milhares de milhas a acompanhar os nossos empresários a fazerem negócios no espaço da CPLP. De São Tomé a Moçambique, passando pela Guiné Equatorial e Timor-Leste, onde coorganizámos o Fórum Económico Global da CPLP, levando a maior delegação empresarial de sempre oriunda de países da Comunidade. 
É no espaço da nossa língua comum que temos tido a capacidade de desenvolver um espaço económico com importância crescente a nível global. O facto de os países não serem geograficamente próximos não tem sido obstáculo à realização da missão da União dos Exportadores, porque a língua aproxima verdadeiramente aquilo que a distância separa. Fazemos formação em português, certificamos competências em português, ministramos cursos em português e fazemos negócios em português. 
As nossas economias estão cada vez mais entrosadas e temos as empresas crescentemente interessadas em conhecer o espaço de negócios onde o português é o denominador comum. 
O potencial de exportação, de internacionalização e de investimento é muito grande. Se Portugal abre portas para o mercado europeu, com os seus 500 milhões de consumidores, não é menos verdade que Brasil, no Mercosul, Angola e Moçambique na SADC, ou Timor, na ASEAN, oferecem uma potencialidade enorme às empresas oriundas da Comunidade. 
Trabalhar em parceria, atento às especificidades locais, estar presente no mercado e beneficiar da experiência e capacidade da rede da UE CPLP são os passos determinantes para conseguirmos fazer história e construir no seio da CPLP um espaço de integração económica de sucesso. 
A Comunidade é muito rica nas suas especificidades mas também na sua diversidade. É disso mesmo que tratarei nos próximos artigos quando me debruçar, país a país, nas histórias do presente que estão a fazer os caminhos de futuro. 
Juntos fazemos história!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.