Home>BIRD Magazine>“FUGIRAM” DA CIDADE PARA O INTERIOR TRANSMONTANO POR AMOR À TERRA
BIRD Magazine

“FUGIRAM” DA CIDADE PARA O INTERIOR TRANSMONTANO POR AMOR À TERRA

ANTÓNIO REIS (ao centro) 
Dedicam o seu tempo entre a criação de aves e a paixão genética, do serviço público, na gestão da única marisqueira por terras de Macedo de Cavaleiros.
Raquel Rodrigues Mariano, uma das poucas mulheres portuguesas licenciadas em teologia, e Miguel Mariano deixaram para trás a vida cosmopolitana de Lisboa e instalaram-se na terra dos progenitores que, também, eles um dia deixaram Trás-os-Montes e rumaram até Angola. Mas, quis o destino que todos regressassem às origens.
Durante o ano de 2012, o casal Mariano tomou a atitude que há muito vinham a “sonhar”. Venderam os dois negócios (marisqueiras) na grande Lisboa e fizeram-se à estrada até Macedo de Cavaleiros. Tomaram conta de um aviário, que estava a passar por momentos difíceis de gestão, e agarraram-se a uma nova forma de viver.
Tal como a canção em homenagem aos transmontanos pelo grupo musical “Xutos e Pontapés”: De Bragança a Lisboa São 9 Horas de distância. – Q’ria ter um avião. – P’ra lá ir mais amiúde. – Dei cabo da tolerância. – Rebentei com três radares. Mesmo com toda a rede viária construída nos últimos anos ainda são 500 Km de Macedo a Lisboa.
Miguel dedica-se à criação de aves do campo; quando tem algum tempo livre ajuda na marisqueira que é administrada por Raquel, no centro da vila de Macedo de Cavaleiros. Um espaço acolhedor e simpatia extrema de todos aqueles que ali prestam o seu saber; três elementos da família Mariano e dois estagiários da Escola Profissional de Macedo de cavaleiros. Raquel Mariano é a primeira pessoa a receber aqueles que querem degustar um marisco da costa portuguesa, ou um prato de carne transmontana Fazendo sempre a mesma pergunta a todos os clientes: “têm mesa reservada”? Em conformidade com a resposta os comezainas são acomodados em espaço específico, por motivos de gestão e organização da sala.
Na visita que fizemos ( BIRD Magazine) à marisqueira “Novo Mariano” fomos brindados com entradas de vários marisco e uma sopa de garoupa. Nada de excessos, mas com sabor marinho inconfundível, onde, rapidamente, se poderia apreciar as ervas aromáticas na malga do caldo de garoupa. Como complemento uma mista de marisco com as mais variadas espécies de crustáceos (artrópodes) da costa Atlântica e Algarve.
Miguel Mariano confidenciou-nos que todo o marisco confecionado no estabelecimento é de origem portuguesa. Tal como as bebidas que podem acompanhar na refeição. Miguel Mariano sugeriu três vinhos para acompanhar a mista de marisco: “vinho verde alvarinho, espumante bruto ou um branco do Douro”. Optamos por um branco do Douro – Lello – da Sociedade dos Vinhos Borges.
Saímos em biquíni!
Não fomos para as praias da barragem do Azibo, que fica mesmo ali ao lado. Saímos com o estômago bem aconchegado e com a deliciosa sobremesa que lhe é dado no nome de “biquíni”. Composto por várias qualidades de gelados e semi-frios, vem esta sobremesa ornamentada com pétalas florais comestíveis das mais variadas espécies de plantas, criadas e colhidas pelos campos de Trás-os-Montes.

O preço da refeição ronda os €40 por pessoa.
Aberto ao público de quinta-feira a domingo
Marisqueira – Novo Mariano
Largo D. João 12
Macedo de Cavaleiros
Telefone para reserva: 278 432 470 – 964144536

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.