Home>BIRD Magazine>A MENINA QUE HÁ EM MIM
BIRD Magazine

A MENINA QUE HÁ EM MIM

CATARINA PINTO

Esta semana deixamos para trás a beleza de Maio e começamos com um cheirinho a férias e descanso… chegou o nosso Junho… nada Tempo de festas e alegria… E para começar com elas (as festas) nada como o Dia Internacional da Criança. Este dia é celebrado por várias nações embora a data vai se alterando conforme o Pais em questão. O dia 1 de Junho começou a ser celebrado desde 1950 por iniciativa das Nações Unidas. Independentemente da data, este dia tem o intuito de promover o intercâmbio, compreensão entre as crianças promovendo o seu bem-estar mas também devemos refletir sobre os problemas da infância, sobre os seus direitos e devedores, sobre as atrocidades da escravidão infantil, pedofilia, refugiados crianças, vitimas de violência familiar e escolar… as décadas passam-se mas há sempre mais e mais barreiras para ultrapassar…Devemos reconhecer as lacunas que não conseguimos preencher na educação, nos erros que nós cometemos a diário…é uma culpa universal. Vamos aproveitar estes dias e começar a trabalhar para o ano inteiro, a melhor maneira de trabalhar, educar, brincar e sonhar com as nossas crianças, com os nossos filhos… vamos dar-lhes a nossa presença, vamos permitir-nos fazer parte do seu dia – a –dia …sejamos os seus heróis de encantar… Mas também não podia deixar de não falar sobre a nossa criança interior, aquela que todos nos levamos agarrada a nós, mesmo que a tentemos esconder, existe sempre aquele bocado que na nossa alma não cresceu e vive no mundo da fantasia… e sabe tão bem…para essa criança que somos todos nós, vou deixar um poema meu…espero que seja do vosso agrado… e um feliz Dia Internacional da Criança…. E sejam felizes….feliz Junho…..

Menina ( poema criado a partir do meu Eu menina que há em mim) Queria ser essa menina De olhos grandes e castanhos Cabelo escuro e longo Como os caminhos da imaginação. Queria ser essa menina Que cavalga no dragão azul e verde Destemida dos temores dos trovões E das garras das maldades alheias Queria ser essa menina Sonhadora e alegre Desenhada com amor e paixão Pelo sonho da vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.