Home>BIRD Magazine>DOENÇAS INFECTOCONTAGIOSAS
BIRD Magazine

DOENÇAS INFECTOCONTAGIOSAS

JORGE FREITAS
São as doenças de fácil e rápida transmissão, provocadas por agentes patogênicos, como: vírus, bactérias e também parasitas. 
Alguns exemplos mais conhecidos são: SARAMPO, PAPEIRA, RUBEOLA, DIFTERIA, VARICELA, TOSSE CONVULSA, TUBERCULOSE, MENINGITE 
Neste primeiro artigo vamos falar de algumas destas doenças, concluindo com a referência as restantes no artigo seguinte 
SARAMPO: 
É uma doença exantemática da infância, altamente contagiosa. Nos países industrializados, graças às melhores condições sanitárias e nutricionais e à introdução da vacina, a mortalidade é extremamente baixa. Nos países mais pobres representa actualmente umas das principais causas de morte das crianças com idades entre 1 e 4 anos 
Como se transmite? 
O vírus (morbili virus) penetra no organismo através das mucosas das vias respiratórias. O contágio ocorre por via aérea, através dos espirros e da tosse. A incubação tem uma duração aproximada de 10-12 dias e normalmente decorrem 14 dias até o exantema se manifestar 
Como se manifesta? 
O sarampo começa com febre, letargia, tosse e “manchas vermelhas” (exantema vermelho escuro maculopapular) na pele (primeiro a cabeça, depois o tronco e finalmente os membros), linfoadenopatia, anorexia, prurido. A doença resolve-se normalmente em poucos dias (3-10). Em casos raríssimos pode originar crises convulsivas, porque atinge o cérebro (encefalite). Quem contrair a doença fica imunizado para toda a vida 
Tratamento: 
Não existe uma terapêutica específica, mas podem ser prescritos determinados fármacos para combater a sintomatologia, designadamente: antipiréticos, anti-tússicos analgésicos, etc… 
Repouso no leito; isolamento desde o início das secreções, até ao 3º dia de exantema. Para o prurido: banho com água tépida 

PAPEIRA: 
A papeira é uma infecção viral (paramixovírus) que afecta as glândulas salivares em frente aos ouvidos. Estas incham e tornam o maxilar muito volumoso. O período de incubação da doença é de 2 a 3 semanas após as quais surgem os primeiros sintomas 

Como se transmite? 
A papeira é altamente contagiosa e de fácil propagação através de gotas de saliva transportadas pelo ar. «Trata-se de uma patologia muito contagiosa desde o dia anterior ao aparecimento da tumefacção e durante nove», 
Como se manifesta? 
Febre, cefaleias, mal estar geral, edema da glândula (parótida ). 
Tratamento: 
Não existe tratamento específico, geralmente podem ser administrados: 
– Antipiréticos para baixar a febre 
– Evitar dar alimentos ácidos à criança que estimulem a secreção das glândulas salivares 
– Analgésicos para as dores 
– Isolamento até o edema passar 
RUBÉOLA: 
É uma infecção exantemática viral, moderadamente contagiosa, que atinge as crianças entre os 5 e os 10 anos. 
Só é preocupante quando contraída nos primeiros meses de gravidez, porque o vírus pode atravessar a placenta e causar a morte do feto, ou malformações graves no coração (sopros cardíacos), no cérebro e nos ouvidos (surdez) nos olhos (catarata). 
Como se transmite? 
O contágio ocorre geralmente por via aérea e a doença resolve-se em 5 dias. A incubação dura entre 2 e 3 semanas. O vírus pode ser transmitido de

7 dias antes até 7 dias após o aparecimento do exantema   

Como se manifesta? 
É caracterizada por um exantema maculopapular pálido, febre e gânglios linfáticos retroauriculares, suboccipitais e cervicais aumentados. 
O exantema tem a mesma evolução que o sarampo (primeiro a cabeça, depois o tronco e por fim os membros). 
Nos adolescentes: cefaleia, anorexia, febre baixa, dor de garganta, coriza, conjuntivite, mal estar generalizado 1-5 dias do aparecimento do exantema. O exantema dura 3-5 dias 
Tratamento: 
Não existe uma terapêutica específica mas recomenda-se terapêutica de suporte para controlo dos sintomas 
DIFTERIA: 
É uma doença contagiosa grave, por vezes mortal, que atinge, mais frequentemente, as crianças com idades entre 1 e 5 anos e é causada por uma bactéria, a Corynebacterium diphteriae. 
Pode provocar lesões cardíacas e do sistema nervoso central. 
Como se transmite? 
O contágio ocorre por via aérea, através do espirro, de um acesso de tosse ou do contacto mão-boca. Em certos casos o contágio é possível através de lesões na pele. A incidência aumenta no Outono e na Primavera 
Como se manifesta? 
A incubação dura de 1 a 5 dias; seguidamente surgem febre (38-39 graus), astenia, palidez, vómitos, taquicardia e sobretudo dores de garganta. 
O tratamento: 
– Antitoxina diftérica 
– É feito à base de antibióticos (PENICILINA; ERITROMICINA ) 
– Tratamento de sustentação (hipertremia, problemas respiratórios) 
– Isolamento até que se obtenham 2-3 culturas negativas, após terminada a antibioterapia 
VARICELA: 
A varicela é uma doença infecciosa, altamente contagiosa, causada por um vírus chamado Varicela-Zoster. 
Esse vírus permanece em nosso corpo a vida toda, estando como que adormecido; sua reactivação determina doença localizada na área correspondente a um ou mais nervos sensitivos e chama-se então Herpes-Zoster 

Como se transmite? 
A transmissão faz-se pessoa a pessoa através do contacto directo ou através das secreções respiratórias, raramente por contacto directo com as lesões vesiculares. O período de transmissão inicia-se 24 a 48 horas antes do surgimento das lesões da pele e estende-se até que todas as vesículas tenham desenvolvido crostas (casca), usualmente 7 a 9 dias. O tempo que medeia entre o contacto e surgimento da doença (incubação) é de 14 a 16 dias, variando entre 10 e 21 dias. 
Sintomas: 
– Mal-estar geral 
– Febre durante24horas 
– Exantema 
– Prurido que pode ser intenso 
Características do exantema: surge 1º na cabeça e na mucosa da boca, a seguir no corpo e é escasso nas extremidades. Erupção papulovesicular 
Tratamento: 
– Antiviral (aciclovir) 
– Anti-histamínicos orais para diminuir o prurido 
– Isolamento até que todas as lesões tenham crosta 
– Banhos de água tépida para atenuar o prurido 
– Manter as unhas da criança curtas e limpas 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.