Home>BIRD Magazine>É POSSÍVEL FALAR COM QUE DISCORDAMOS?
BIRD Magazine

É POSSÍVEL FALAR COM QUE DISCORDAMOS?

JOÃO MONTEIRO LIMA
Vi há dias um anúncio de encontro que se realizou no passado sábado e que tinha o seguinte título “É possível falar com quem discordamos muito?”
Eu penso que sim, porque sou assim. Discordo muitas vezes mas não tenho qualquer problemas em “falar” com quem discorda de mim.
No entanto há muitos que dizem o mesmo, mas fazem o contrário. Ou seja, dizem que é possível falar com quem discordam, mas esquivam-se mal a “discórdia” começa.
Eu, pecador, me confesso e assumo que, muitas vezes, as minhas opiniões estão longe de ser como as da maioria. Assumo e defendo as minhas opiniões mas respeito quem pensa diferente.
Nos muitos anos que levo de participação política e associativa não haverá um único caso em que não tenha respeitado as dezenas de opiniões contrárias da minha, sendo que estas vieram na sua maioria de amigos que prezo. Aliás, penso que (não considerando desrespeito) os maiores desaguisados que tive foram com quem, aparentemente, tem opiniões mais próximas das minhas.
Estive, estou e estarei sempre disponível para ouvir as opiniões dos outros, possivelmente com maior atenção se elas forem diferentes das minhas, porque acredito que é na diversidade e no respeito pela diversidade que se conseguem fazer maiores avanços.
Não estive, não estou e não estarei disponível para participar em cínicas conversas em que o respeito só tem cabimento em quanto há concordância. Para esse peditório, tão em uso, não dou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.