Home>BIRD Magazine>AMANHÃ É VÉSPERA DE NATAL
BIRD Magazine

AMANHÃ É VÉSPERA DE NATAL

GABRIELA CARVALHO
Amanhã é dia 24 de Dezembro. Amanhã é véspera de Natal.
Sempre gostei do Natal (e do mês de Dezembro em particular) por tudo o que envolve. Agora com filhos, o Natal tem um brilho diferente (apesar de neste ano faltares tu, mas regressarás em breve, tenho fé!).
No entanto, hoje decidi partilhar convosco dois momentos:
– o meu primeiro Natal na Santa Casa da Misericórdia de Amarante.
– um convite a visitar o presépio em crescimento, também da Santa Casa da Misericórdia de Amarante
Lembro-me bem do meu dia 24 de Dezembro de 2008… sei que saí eram quase 20h. Nesse dia percebi que nós (funcionários) apenas atenuamos, não substituímos nada nem ninguém.
Eu trabalhava há pouco mais de 2 meses nesta instituição. Chegou a véspera de Natal e há medida que o dia foi avançando, sentiu-se a dificuldade de estar ali. Na alegria dos que iam passar o Natal com a família, no sorriso dos que recebiam um telefone… estavam aqueles que nem visitas nem telefonemas (e acreditem que a instituição tenta e liga e liga e volta a ligar e nada!!!).
A dificuldade começa a surgir: há os que se “resignam” (sem se resignar), mas há os que entristecem… Quer para uns quer para outros, nós os funcionários, a equipa que os acompanha, sentimo-nos incapazes… Todo o ano fomos capazes de sorrisos, de abraços, de palavras e neste dia, os nossos sorrisos, os nossos abraços e as nossas palavras parecem que não fazem sentido para aqueles que esperam alguém que não nós.
É um misto de sentimentos para quem vive o Natal das instituições.
Se nos enche o coração ajudar a vestir o casaco àqueles que vão alegres com as famílias, aperta-nos o coração fechar a porta ao último que saí, sabendo todos os que ficam e que também gostavam de ir…
Como profissional, como funcionária, como pessoa deixo-vos o apelo: visitem, vão, estejam… digam uma ou duas palavras, “marquem presença”… acreditem que muitas vezes torna-se o suficiente!
O PRESÉPIO DA MISERICÓRDIA DE AMARANTE
Pois é, o Natal… E na verdade eis que se aproxima mais um Natal.
É na correria do dia-a-dia que o tempo passa e, de repente, nos apercebemos que mais um ano está a terminar, que mais um Natal está a chegar.
Queremos todos os anos fazer diferente, temos sonhos, temos projectos… passamos por vários momentos, por muitas etapas… afinal, analisando bem, um ano é muito grande!
Na verdade, independentemente de todos os momentos do nosso ano crescemos com cada um deles, aprendemos com cada um deles, tornamo-nos diferentes com cada um deles.
Pensando nesta evolução, neste crescimento constante, nestas conquistas diárias, neste passar rápido (que às vezes parece que não passa), a Santa Casa da Misericórdia de Amarante apresenta um novo projecto: O PRESÉPIO DA MISERICÓRDIA DE AMARANTE.
Este presépio surgiu de um sonho, de um projecto… Foi desenvolvido em vários momentos, passou por várias etapas. É um presépio que está em crescimento, ainda não está terminado e todos os anos crescerá de forma coesa, com a beleza, o amor e a paz que um presépio transmite!
Com ele, pretende-se simbolizar esta instituição. Uma instituição cristã, com valores religiosos, com fé num futuro melhor. Uma instituição que vive de pessoas e para as pessoas… Uma família aqui representada pela família de Jerusalém, que não substitui a família de cada um dos utentes institucionalizados, mas que tenta atenuar as ausências. Uma instituição que cresce ano após ano, que se desenvolve com muitos desafios, com muitas etapas, dia após dia! Assim será também este presépio. Um presépio em crescimento.
Assim, convido todos a visitar O PRESÉPIO DA MISERICÓRDIA DE AMARANTE, presente no jardim do Lar Conselheiro António Cândido / Igreja da Misericórdia, aberto todos os dias das 9h00 às 18h00.
Um presépio de todos, feitos por todos e para todos.
QUE TENHAM UM SANTO E FELIZ NATAL!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.