Home>BIRD Magazine>A GRAVIDEZ E A SAÚDE ORAL – MITOS E VERDADE
BIRD Magazine

A GRAVIDEZ E A SAÚDE ORAL – MITOS E VERDADE

INÊS MAGALHÃES
A gravidez é um estado na vida da mulher onde as alterações hormonais são muito grandes e, como tal, estas também se vão manifestar na cavidade oral, mostrando repercussões a nível da sua saúde oral.
Ainda existem muitos mitos em relação a este tema.
A gravidez não enfraquece os dentes, pois o cálcio que está presente nos dentes da mãe, de forma estável e cristalina, não está disponível para a circulação sistémica, de tal modo, não ocorre perda de cálcio para o bebé e os dentes não vão enfraquecer por esta causa. Pode sim haver, durante a gestação, um agravamento das condições da má saúde oral, o que pode levar a um aumenta da incidência de cárie dentária, mas por si só a gravidez não o provoca.
Devido às alterações hormonais, a gengiva sangra mais facilmente, podendo mesmo doer, a situação agrava-se se não existirem cuidados adequados de higiene oral.
Em caso de dor de dentes a grávida não se deve automedicar. Esta deve consultar um Médico Dentista para que lhe seja prescrita medicação ou efetuados os tratamentos dentários adequados que solucionem a situação dolorosa.
Em relação aos tratamentos, esta pode fazer qualquer tipo de tratamento dentário, mesmo que necessite de anestesia, pois uma infeção oral é mais prejudicial para o bebé do que o tratamento dentário em si. No entanto, o ideal seria fazer uma consulta de medicina dentária antes de engravidar, a fim de evitar infeções orais durante este período.
Estas consultas devem ser de curta duração e de preferência no período da manhã, sendo mais indicado o segundo trimestre da gestação.
No que diz respeito à higiene oral, esta, ainda é a medida preventiva mais eficaz para evitar infeções da cavidade oral.
Sabe-se que a mãe pode infetar o bebé por meio de microrganismos provenientes de doenças infeciosas como a cárie dentária e doenças periodontais.
Assim, o nível de higiene oral da grávida pode influenciar a saúde oral do bebé.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.