Home>BIRD Magazine>MEL OU AÇÚCAR? EIS A QUESTÃO
BIRD Magazine

MEL OU AÇÚCAR? EIS A QUESTÃO


NUNO AREAL CARVALHO
Será que o mel é tudo aquilo que falam ou será que é tão mau quanto o açúcar refinado??
Não é segredo nenhum que a minha opinião sobre adoçantes artificiais, é que devem ser provavelmente das piores coisas a colocar no nosso corpo.
Mas, e então o que é que recomendo para adoçar o chá e outros alimentos ou bebidas?
Em primeiro lugar, a realidade é que quanto menos adoçantes usarmos, mais estamos a proteger o nosso corpo e a nossa saúde. Outra realidade é que o nosso paladar pode ser treinado, para que tenha cada vez menos necessidade de recorrer a esta substância e dessa forma, para além de apreciar muito mais o verdadeiro sabor dos alimentos, estará a acrescentar enumeros benefícios ao seu corpo, tais como, manutenção de níveis estáveis de açúcar e insulina no sangue, gerir o seu peso corporal e reduzir os efeitos inflamatórios causados pelos açúcares e adoçantes artificiais.
Ok, mas e aquelas pessoas que não são capazes de beber o seu chá, café ou outras bebidas, sem que estas sejam adoçadas, o que devem preferir: açúcar, mel ou outro adoçante?
Quanto à resposta, não há a mínima dúvida: o mel é definitivamente melhor para si do que o açúcar refinado.
Mas ATENÇÃO, não se pode esquecer que ambos são calóricos e que comer grandes quantidades de mel vai fazer com que acumule mais gordura corporal, se ultrapassar a sua quantidade ideal de calorias diárias.
Mas vamos agora perceber porque é que o açúcar refinado é tão mau. O açúcar refinado é um nutriente “negativo”, ou seja, significa que ele é, literalmente, desprovido de nutrientes e usá-lo só vai “obrigar” o seu corpo a ter que usar nutrientes que tinha armazenados para conseguir processar o açúcar.
Já o mel, por outro lado, tem muitos nutrientes benéficos, além de enzimas e antioxidantes. O mel cru é melhor do que o mel processado (o tipo de mel que você encontra no supermercado), pois ao ser processado, muitas das enzimas e antioxidantes que proporcionam os benefícios à sua saúde são destruídos. Eu, pessoalmente, só uso o mel cru, pois considero ser a atitude mais inteligente.
Um outro beneficio do mel (cru) é a sua capacidade de melhorar o processamento da glicose pelo corpo, enquanto o açúcar refinado afeta negativamente a capacidade do seu corpo de processá-la ao longo do tempo.
Existem estudos que também confirmam um outro beneficio do mel cru. É que ele pode reduzir os sintomas de alergias (se o mel cru for da região onde você mora, você o encontrará em todas as épocas do ano).
Na dificuldade de não ter disponível de momento o mel cru, uma outra sugestão pode ser o uso do adoçante natural não calórico – Stevia (uma erva nativa do Paraguai) para tudo aquilo que precisar de adoçar.
Ambos são boas opções, comparativamente ao uso do açúcar refinado e/ou outros adoçantes artificiais que destroem a sua saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.