Home>BIRD Magazine>COMO ESCOLHER OS PRODUTOS DE HIGIENE ORAL MAIS ADEQUADOS PARA MIM? (PARTE III – FIO/FITA DENTÁRIA E ESCOVILHÃO INTERDENTÁRIO)
BIRD Magazine

COMO ESCOLHER OS PRODUTOS DE HIGIENE ORAL MAIS ADEQUADOS PARA MIM? (PARTE III – FIO/FITA DENTÁRIA E ESCOVILHÃO INTERDENTÁRIO)

INÊS MAGALHÃES
Como já referido em textos anteriores, a higiene oral é a ação básica para uma boa saúde oral. Dela fazem parte a escova, a pasta dentífrica e como complemento o fio/fita dentária /escovilhão interdentário e, eventualmente um elixir/colutório.
No que diz respeito ao fio/fita dentária, tal como o próprio nome o indica, são diferentes.
Ambos servem para remover os restos de comida e placa bacteriana que se alojam entre os dentes, ou seja, no ponto de contacto (local em que dois dentes adjacentes se juntam) e que a escova não consegue higienizar.
Contudo, o fio pode ser de Nylon (ou multifilamentar) ou de PTFE (monofilamentar). O fio de Nylon está disponível com cera ou sem cera e em vários sabores. Porque este tipo de fio é composto por várias fiadas de Nylon, por vezes, pode partir, especialmente entre os dentes com pontos de contacto muito estreitos. Apesar de serem mais caros, os fios monofilamentados (PTFE) deslizam facilmente entre os dentes, até mesmo, entre pontos de contacto muito estreitos e são bastante resistentes. Quando usados corretamente, ambos os tipos de fio são excelentes para remover a placa bacteriana e restos alimentares.
Em relação à Fita Dentária, ela é constituída por uma fibra suave e macia, revestida com um tratamento à base de cera, o que facilita um deslizar suave entre os dentes, sem esforço, mesmo nos locais mais estreitos.
Como usar? Deve retirar da embalagem cerca de 40/50cm de fio/fita e enrolar no dedo médio de uma mão a maior parte dele, o restante no dedo médio da outra mão; com a ajuda dos polegares deve retirar os restos de alimentos dos dentes de cima e com a ajuda dos indicadores retirar dos dentes inferiores. Deve ter sempre o cuidado de não ferir as gengivas.
Para pessoas com mais dificuldade no seu uso (ex. crianças), existem ainda os passadores de fio dentário, que facilitam imenso a passagem do fio pelos espaços interdentários.
No que diz respeito ao escovilhão interdentário, este é mais prático para quem tem espaços maiores entre os dentes mas não consegue higienizar o ponto de contacto entre eles apenas com a escova. Quem é portador de aparelho ortodôntico, quem tem implantes ou pontes também deve usar o escovilhão. Estes também têm diferentes formas e tamanhos para se adequarem corretamente ao espaço a higienizar.
Com tanta variedade, como escolho o mais adequado para mim?
Pode sempre fazê-lo experimentado os diferentes produtos e ver com qual se adapta melhor, ou procurar ajuda de um profissional de saúde oral para o auxiliar na escolha.
Não esqueça! A higienização diária dos espaços interdentários onde a escova não chega é fundamental para a remoção dos resíduos dentários que, por ação das bactérias patogénicas, podem facilitar o aparecimento de cárie dentária e doença gengival.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.