Home>BIRD Magazine>ALIMENTAR DE BONS COSTUMES OS MAIS NOVOS
BIRD Magazine

ALIMENTAR DE BONS COSTUMES OS MAIS NOVOS

ALEXANDRA BENTO
(Bastonária da Ordem dos Nutricionistas)
A alimentação é universalmente reconhecida como um dos principais determinantes da saúde e, consequentemente, da qualidade de vida de cada indivíduo de uma população.
A Organização Mundial de Saúde (OMS) tem vindo a manifestar uma enorme preocupação com as questões relativas a hábitos alimentares da sociedade e, particularmente, das faixas etárias mais jovens que compõem as populações de cada país. Os hábitos alimentares saudáveis são reconhecidos como pilares na prevenção de doenças ou limitações do organismo, pelo que devem ser sempre racionalizados e associados a práticas frequentes como o exercício físico, desde os primeiros anos de vida de cada pessoa.
Assim, os hábitos alimentares saudáveis devem iniciar-se com uma diversificação alimentar significativa, visto ser nesta fase que as crianças iniciam o seu contacto com os alimentos e começam a experimentar muitos e novos sabores e texturas, importantes na moldagem dos costumes e gostos pessoais que os acompanharão. É este o mote que sustenta a importância de, desde cedo, as melhores práticas no âmbito da alimentação serem incutidas, pois elas vão condicionar os hábitos que os irão seguir ao longo do seu desenvolvimento, seja enquanto bebés, crianças, adolescentes, adultos ou idosos.
Neste sentido, é imprescindível implementar e manter na sua alimentação o consumo frequente de hortofrutícolas. Ainda que, de início, possa ocorrer alguma resistência por parte das crianças, não se deverá desistir deste objetivo. A sopa deverá ser introduzida sempre no início de cada refeição, complementando-se o prato principal com uma salada variada ou diversos hortícolas cozinhados. É ainda importante que não se esqueça o consumo de pelo menos três peças de fruta por dia, preferencialmente diferentes, dada a multiplicidade de nutrientes que as compõem.
Aconselha-se também o consumo de um pequeno-almoço bem rico, composto por bens alimentares tais como o pão, de preferência de mistura de cereais ou integral, o leite e a fruta, uma vez que esta se trata daquela que é, talvez, a mais importante das refeições do dia e que fornece, logo depois do despertar, um bom aporte de energia e nutrientes para o seu filho desgastar ao longo das suas atividades diárias, sendo capaz de aproveitar o máximo de cada uma delas. Recomenda-se que habitue o seu filho a comer várias vezes por dia, de forma doseada, para que possa fazer uma melhor distribuição dos alimentos e da energia ao longo do seu dia. Promova o consumo de produtos lácteos e mantenha presente que uma criança deve ingerir o equivalente a 3 copos de leite por dia, graças ao seu forte teor de cálcio, importante no seu desenvolvimento e na formação da sua estrutura óssea – e não só!
No que toca ao consumo de cereais integrais e leguminosas, evite negligenciar a sua ingestão, de forma a não deixar de assegurar um bom aporte de fibra, ideal para a regulação do seu trânsito intestinal. 
Relembre-se diariamente que é na infância que os hábitos alimentares são adquiridos e moldados. Por se reconhecer a extrema importância da manutenção de bons hábitos ao longo da vida, torna-se fulcral que, desde muito cedo, se procure fomentar um estilo de vida saudável nas crianças. Os primeiros hábitos da vida, provavelmente, poderão transformar-se em costumes e até condicionar traços da sua personalidade. Por isso, ensine aos mais novos a importância de orientar todo o seu desenvolvimento em torno dos melhores hábitos, explicando-lhe os benefícios de todos os alimentos que compõem a Roda dos Alimentos e os alimentos que compõem a Dieta Mediterrânica. Desta forma, a promoção de bons hábitos alimentares em casa, diariamente, são fundamentais para que os costumes saudáveis sejam solidificados ao longo da vida. 
Desta premissa espera-se que a criança se desenvolva sempre com consciência daquilo a que referem os “bons hábitos à mesa”, preferencialmente associados a outras práticas do quotidiano que possam facilmente assegurar a manutenção permanente da sua qualidade de vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.