Home>Cidadania e Sociedade>HOJE É DIA DE MUDANÇA…
Cidadania e Sociedade Em Destaque

HOJE É DIA DE MUDANÇA…

Hoje é dia de mudança, hoje é dia de dar uma cara nova à revista que o acompanha há 5 anos. A BIRD Magazine continua a voar pelo ciberespaço, sempre com o objetivo de dar asas às opiniões dos seus cronistas que, dirariamente, escrevem para si, que está, aí, desse lado.

Com mais de 3040 publicações, consolidámos um alcance de visualizações superior a 1 milhão, reforçamos o nosso número de leitores no facebook em 11.500 seguidores.

Do Ambiente e Natureza, da Arte, da Cidadania e Sociedade, Ciência e Tecnologia, ao Desporto, passando pela Economia, Educação, Filosofia, Justiça, sem esquecer o Life & Style, a Literatura, o Mundo, a Poesia, a Política, a Psicologia, a Religião, Saúde e Vida e Veterinária, a BIRD Magazine continua a primar pela liberdade de expressão dos seus colaboradores. Afinal, não há opiniões iguais, afinal conseguimos reunir num só espaço diferentes áreas do saber.

Procurando manter a atualidade e pertinência dos temas abordados, a opinião expressa é da inteira responsabilidade dos seus cronistas, defendendo-se o pluralismo, a partilha de conhecimentos.

A partir de hoje, pode visitar-nos em https://birdmagazine.pt/. Aqui, irá encontrar uma equipa multifacetada que tanto me orgulha em dirigir. Sem eles, nada disto seria possível. Com características e personalidades fortes, cada cronista é marcante na sua forma de articular ideias, pensamentos, estados de alma…

Ao domingo contamos, atualmente, com as crónicas do Miguel Gomes que nos leva para os campos da sua literatura, numa linguagem própria, dotada de uma voz inquieta. O Moreira da Silva apela-nos a uma reflexão profunda, na filosofia, na política, na sociedade em geral. O Pedro Macedo importa-se com a nossa saúde e bem estar, mais propriamente, dos nossos ossos, músculos e articulações. Já a Lúcia Lourenço Gonçalves leva-nos a refletir sobre o modo de vida em sociedade, aparentemente tão banal, mas cuja instrospeção nos leva a verificar outros pontos de vista. A Anabela Brás Pinto é uma injetora de energia positiva. Não esquecer que foi um elemento chave na construção desta nova casa, aliás, acabamos por ser seus inquilinos, já que a nossa página se encontra alojada no seu servidor. A Carla Sousa, a nossa psicóloga, sempre com um olhar atento ao que a rodeia, tentando desmistificar conceitos. Já o Luís Vendeirinho apresenta-nos a sua literatura singela e peculiar.

As segundas-feiras começam com a Joana Benzinho, ora em Bruxelas, ora na Guiné-Bissau, ora em Portugal, relatando experiências culturais tão enriquecedoras. A Carolina Cordeiro leva-nos a alcançar um público internacional num inglês fluente, marcado de experiências de vida. O Filipe Lourenço, um homem empreendedor, diz-nos como é possível chegar tão longe, vincando a marca Portugal no mundo. A Rita Teixeira, uma eterna sonhadora, mostra como é viver, diariamente, com a E.L.A, com uma força de espírito indomável, afinal, as suas crónicas são escritas com os olhos. A Fátima Carvalho Lopes contagia-nos com o seu humor e boa disposição, reiterando a importância de cuidar do nosso suporte, dos nossos pés. Já a Inês Magalhães dá-nos na cabeça e insiste na pertinência de mantermos uma boa saúde oral, ou não fosse o nosso sorriso a nossa melhor curva.

As terças-feiras preenchem-se com a sapiência da eterna professora de filosofia, Regina Sardoeira, sempre com um olhar crítico naquilo que a rodeia, alicercado em clássicos da filosofia. A Tânia Amado, uma escritora de mão cheia, apresenta-nos o lado bom da vida. A Inês Lopes, uma jovem promissora no mundo das letras, filha da nossa cronista Anabela Borges, mostra, aqui, que quer os laços familiares, quer os de amizade contribuem para o enriquecimento da nossa equipa redatorial. O Miguel Teixeira balança entre a política e a educação, sempre com um olhar atento, sistematizando o que importa saber. A Elisabete Salreta construiu uma enorme família, onde cabem todos, até os seus tão estimados animais. As suas peripécias parecem tiradas de um qualquer livro de fábulas. O Rui Canossa ajuda-nos a desconstruir a economia, trocando os chavões por conceitos acessíveis a todo o público leitor. Essa é uma das nossas maiores missões, uma escrita de pessoas para pessoas.

As quartas-feira iniciam com a nossa Verinha, sempre com um sorriso estampado no rosto, pronta para nos aconselhar sobre a melhor medicação e cuidados médicos. A Alina Sousa Vaz é a “senhora cultura”, tão importante na divulgação do nosso património material e imaterial. O Rui Manuel Santos lança um olhar atento sobre a política internacional, numa desconstrução de temas que nos ajudam a perceber o que está a acontecer lá fora. O Paulo Santos Silva reforça a nossa secção Arte, tão necessária nesta revista. Recorda-nos músicas, composições, autores, criadores, intérpretes que apesar de ausentes, alguns deles, permanecem na nossa memória coletiva. Afinal, os génios não morrem, apenas desaparecem fisicamente. A Márcia Pinto é um ser sensível e permeável ao que a rodeia, gosta de colocar o dedo na ferida, tentando esmiuçar alguns temas que continuam “tabu” para alguns elementos da nossa sociedade, mas que não devem ser relegados para segundo plano, bem pelo contrário. A Raquel Evangelina é sensível a temas delicados, uma eterna observadora do mundo circundante, numa escrita assente de objetividade. A Elisabete Ribeiro, ora fala de educação, ora se prepara para mais uma maratona. A vida dela é assim, uma autêntica corrida de alegria e boa disposição.

Partimos para a quinta-feira com uma das cronistas há mais tempo nesta casa, a Anabela Borges. A escrita corre-lhe nas veias, talvez por influência de Teixeira de Pascoaes ou até de Agustina de Bessa-Luís, numa literatura marcada de uma emotividade própria que a caracteriza. A Luísa Vaz, uma política capaz de traduzir os acontecimentos que nos medeiam, num olhar crítico sobre os mesmos. A Vanessa Mimoso, sempre atenta aos problemas sociais, pretende enfatizar casos reais e a forma como estes devem ser trabalhados no contexto psicológico. A Isabel Pinto da Costa é uma psicóloga com amor à camisola, capaz de sinalizar temas fraturantes e subjugá-los a uma análise crítica, propondo terapias eficazes. A Nathalie de Oliveira vem dar aso à penetração da BIRD no espaço francófono, tão importante na consolidação da nossa revista além-fronteiras, sempre atenta às questões sociais e da política. O Raul Tomé é o heterónimo do misticismo, da reflexão profunda do entendimento da vida. O Artur Coimbra, o “senhor das palavras”, sempre manifestando uma atenção pelo poder da oratória. O Rui Leal é o homem da justiça e do entendimento das empresas portuguesas e da sua expansão, num espaço aberto ao mundo de novas oportunidades. A Sónia Maio é uma das cronistas mais recentes que, ainda assim, demonstra já ser capaz de entender o papel da BIRD na construção de uma sociedade mais informada, motivada pela escrita que a invade.

À sexta-feira, o João Ramos lança um olhar de um cidadão atento, com uma crónica sustentada de dados verídicos, obtidos através de estudos válidos. A Diana Peixoto trata de nos apresentar a forma como a alimentação deve ser encarada – variada e saudável. O Luís Pinheiro, psicólogo, mostra uma sensibilidade para temas pertinentes, sempre procurando aliar a teoria à prática. O José Castro mostra que a vida é para ser vivida de forma positiva, de como devemos encarar e trabalhar as nossas emoções, com a finalidade de alcançarmos o nosso equilíbrio interior. A Ana Leite vem firmar a área da justiça, através das suas pesquisas torna o discurso judicial acessível ao cidadão comum. A Gabriela Carvalho mostra-nos a pertinência de uma das áreas da saúde e vida, a terapia ocupacional, tão importante na qualidade de vida dos nossos cidadãos.

Ao sábado, é dia de senhora doutora, com a nossa médica, Antonieta Dias, que nos mostra que a medicina deve ser exercida com humanismo, com a capacidade de saber ouvir o doente na perspetiva de alcance do melhor diagnóstico possível. A Susana Ferreira vem dar voz aos nossos animais e da forma como estes devem ser amados, tratados e cuidados de forma a garantir a sua saúde e bem estar. O Manuel do Nascimento é um historiador luso-francês, tão importante no intercâmbio cultural entre estes dois países. O Jorge Nuno é um pesquisador nato, reunindo na sua crónica um conjunto de informações recolhidas ao longo da sua quinzena de observação. Sempre irreverente e com uma boa capacidade de oratória. O Tiago Corais vem mostrar que o BREXIT não pode contribuir para o afastamento das relações entre Portugal e o Reino Unido, recolhendo um conjunto de informações pertinentes na contextualização das relações entre os países, um verdadeiro cidadão do mundo. O Ricardo Jorge Freitas vem consolidar a expansão da BIRD Magazine no mundo, neste caso com o nosso país hermano, numa análise das políticas internas e externas. Sempre num olhar crítico.

Não deixar de refererir os nossos cronistas convidados que sempre que podem ou lhes é apresentado um novo desafio, respondem à chamada de forma entusiasta. São eles: Alexandra Bento (Bastonária da Ordem dos Nutricionistas); Amaro Gonçalo Ferreira Lopes (padre); Ana Silva (Associação Ajuda Animais em Amarante); Anabela Branco de Oliveira (professora universitária); António Patrício (escritor); Joana M. Soares (jornalista); João Mendes (relações internacionais); João Teixeira (cónego); Maria Amorim (enfermeira); Maria Cerqueira (enfermeira); Tânia Carvalho (hipnoterapeuta).

Deixar, ainda, um agradecimento a todos os cronistas que já passaram pela BIRD e aqui deixaram o seu contributo.

Continuar a acrescentar valor à nossa equipa é o grande objetivo, daí mantermos as portas abertas a todos aqueles que a nós se queiram juntar.

BIRD Magazine, o pouso das palavras, o voo das opiniões, hoje com cara nova, amanhã só o futuro saberá. Fique desse lado.

Boas leituras!

One thought on “HOJE É DIA DE MUDANÇA…

  1. Gostei do que li, na íntegra, e agradeço o texto que me foi dedicado. Parabéns, Ricardo Pinto! E parabéns a tod@s @s parceiros de escrita, que generosamente doam um pouco do seu tempo à BIRD Magazine, permitindo o seu crescimento e consolidação. Porque acredito na utilidade deste espaço, basta-me acrescentar: FORÇA!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.