Home>Saúde e Vida>MELHORAR A HIDRATAÇÃO
Saúde e Vida

MELHORAR A HIDRATAÇÃO

Com a chegada do bom tempo, tem de se ter em especial atenção, a água que ingerimos. Na roda dos alimentos, a água toma conta do centro por causa da sua extrema importância no nosso quotidiano e por fazer parte da constituição de todos os alimentos. A água desempenha um papel muito importante na regulação da temperatura corporal, nas reacções metabólicas, na eliminação de resíduos metabólicos através da urina, nos processos biológicos de digestão e absorção e no transporte de nutrientes, hormonas e outros compostos. A desidratação é um problema cada vez mais frequente, afectando principalmente a população infantil e idosa onde a capacidade de detecção de sede e/ou capacidade de responder a este estimulo pode estar diminuída, sendo que tem de haver especial atenção a estes grupos. As principais causas de uma desidratação podem ser o calor, febre, diarreia, vómitos e o exercício físico pois as perdas de água através da pele são maiores. As consequências de uma desidratação são mucosas secas, fraqueza muscular, tremores, dificuldades no raciocínio e na concentração e diminuição da saliva, lágrimas e transpiração. Para evitar a desidratação e as suas consequências, devemos:

Ø  Beber 1,5/2 l de água por dia;

Ø  Aumentar as porções dos alimentos que contêm 80-90% de água na sua composição, tais como: Água, leite, chá, bebidas aromáticas, sumos, refrigerantes, néctares, sopa, saladas e fruta;

Ø  Beber pequenas quantidades de água de cada vez e frequentemente ao longo do dia, antecipando a sensação de sede;

Ø  Quando tiver sede, a urina tiver uma cor/cheiro intenso, sentir cansaço, dor de cabeça, dificuldades em estar atento, se concentrar e memorizar deve ingerir mais água;

Ø  Aumentar a ingestão de líquidos quando fizer actividade física que o faça transpirar, as temperaturas forem elevadas e em caso de doença (febre, vómitos, diarreia).


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.