Home>Saúde e Vida>DIETA PALEO – SABE O QUE É?
Saúde e Vida

DIETA PALEO – SABE O QUE É?

Em que consiste?

 

A dieta paleo foi criada pelo cientista norte-americano Loren Cordain quando, em 2011, publicou o livro A Dieta do Paleolítico, onde refere que a nossa alimentação deve ser baseada nos hábitos alimentares dos nossos antepassados do período Pré-Agrícola.

 

Alimentos permitidos vs alimentos proibidos?

 

No período Pré-Agrícola, as pessoas estavam dependentes do que a natureza oferecia espontaneamente, por isso, eles caçavam e comiam sementes, peixe, frutas da época, marisco e ovos. Os alimentos processados e açucarados não existiam (lacticínios e cereais).

 

Alimentos permitidos:

Vegetais: todos, mas dar ênfase aos vegetais da época;

Tubérculos: batata-doce, mandioca, inhame e batata;

Proteína: carne de pasto, peixe selvagem (carapau, sardinha, cavala) marisco, ovos de galinhas criadas ao ar livre;

Fruta: toda, mas dar ênfase à fruta da época;

Oleaginosas: amêndoas, cajus, castanhas do Brasil e nozes;

Sementes: sésamo, abóbora, girassol, linhaça e chia;

Gordura: óleo de cocô e azeite;

Carne e peixe: de todo o tipo;

Água e café.

 

Alimentos proibidos:

Cereais: trigo, arroz, centeio, aveia;

Leguminosas: Feijão, grão, lentilhas;

Lacticínios: leite, iogurte, queijo, natas;

Gorduras: óleo e margarinas vegetais;

Produtos processados: com adição de açúcares, sal, óleos, corantes;

Hidratos de carbono: pão, arroz, massas.

 

 

Quais os seus benefícios?

 

Esta dieta consiste numa elevada ingestão proteica, principalmente de origem animal, baixa ingestão de hidratos de carbono e ingestão moderada a elevada de gordura, mono e polinsaturadas, entre as quais o omêga-3 e o omêga-6, o que leva a uma menor incidência de doenças crónicas, nomeadamente, na protecção de doenças cardiovasculares, diabetes e obesidade.

 

 

Quais os seus contras?

 

Por ser uma dieta com tantas restrições alimentares leva a uma monotonia no plano alimentar do dia-a-dia, o que torna difícil de ser mantida durante muito tempo.

Apesar do homem hoje em dia praticar exercício, até com idas ao ginásio, o nosso estilo de vida é muito sedentário comparados com os dos nossos antepassados que tinham muitos mais gastos energéticos.

Pode causar dificuldades na concentração, fadiga, falta de vitalidade e alterações de humor por ser muito restrita em hidratos de carbono sendo que o nosso cérebro utiliza cerca de 100-120g/dia de glicose como substrato energético, por isso, é determinante no nosso dia-a-dia fornecer esta quantidade diária para que ele funcione normalmente.

 

 

Fontes: César, Custódio (2016) Dieta paleo. O que é? O que se deve ou não comer?. Disponível em: https://www.saberviver.pt/comida/nutricao/dieta-paleo-o-que-e-o-que-se-deve-ou-nao-comer/#gs.n91UTB4.

Lima, Rita (2018) Alimentos permitidos na dieta paleo: varie as suas refeições. Disponível em: https://www.vidaativa.pt/a/alimentos-permitidos-na-dieta-paleo/.

Falcón, Enrique (2018) Dieta paleo: os prós e contras da alimentação paleolítica. Disponível em: https://thedailyprosper.com/pt/a/dieta-paleo-os-pros-e-contras-da-alimentacao-paleolitica.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.