Home>Cultura, Literatura e Filosofia>“O FIM DO HOMEM SOVIÉTICO”
Cultura, Literatura e Filosofia

“O FIM DO HOMEM SOVIÉTICO”

Raquel Evangelina

Hoje deixo uma sugestão de leitura, a obra “O Fim do Homem Soviético” de Svetlana Aleksievitch.

Segundo a sinopse “Com uma acuidade e uma atenção únicas, Svetlana Aleksievitch reinventa neste magnífico requiem uma forma polifónica singular, dando voz a centenas de testemunhas, os humilhados e ofendidos, os desiludidos, o homem e a mulher pós-soviéticos, para assim manter viva a memória da tragédia da URSS e narrar a pequena história que está por trás de uma grande utopia.”

Li este livro como trabalho de pesquisa da minha tese de mestrado. Não posso dizer que me tenha deixado completamente empolgada em querer saber mais ou que a leitura me motivasse. Não obstante, a forma como os relatos são apresentados dá-nos uma grande abrangência da mentalidade soviética.

A escritora apresenta testemunhos de pessoas que viveram, ou conviveram com quem viveu, na época soviética. Temos histórias impressionantes e outras que nos embrulham o estômago, de tão atroz que é o testemunho. Percebemos o confronto que existe, o choque, a divergência de opiniões, de quem viveu na época e de quem já pertence à era seguinte.

Por vezes há testemunhos que dão a impressão que as pessoas viviam, e ainda vivem, com uma ilusão e sem a perceção do que realmente estava a acontecer. Um trabalho jornalístico minucioso e completo que valeu à autora, juntamente com outros trabalhos, o Prémio Nobel da Literatura em 2015.

Um livro importante, e pertinente, para todos os que querem conhecer um pouco melhor a realidade de uma nação que se desmantelou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.