Lifestyle

UM DIA

Raquel Evangelina

Um dia, o tempo mostra que nem todas as batalhas nas quais tanto dás de ti merecem o teu desgaste.

Um dia, a vida faz-te ver que, por muito que gostes de alguém, não podes permitir que as necessidades, escolhas e urgências dessa pessoa estejam acima das tuas.
Um dia, e mesmo que agora pareça difícil de acreditar, as feridas saram, a dor passa e a tormenta torna-se insignificante, e até ridícula, quando olhas para trás.
Um dia, entendes que as quedas serviram para te fortalecer, para aprender algo, e não para te causar dano, como chegaste a pensar.
Um dia, dás conta que vives (muito) bem com quem não quer estar.
Um dia, a paz invade-te, a calma toma controlo, a ansiedade e aflição que te fizeram companhia, dias e dias a fio, deixam de lá estar.
Um dia, descobres que para viver, e sobreviver, só precisas de ti.
E é nesse dia que verdadeiramente começa a tua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.