Home>Cidadania e Sociedade>É NO ÂMAGO DA FRAGILIDADE HUMANA QUE ENCONTRAMOS A VERDADEIRA ESSÊNCIA DA NOSSA EXISTÊNCIA
Cidadania e Sociedade

É NO ÂMAGO DA FRAGILIDADE HUMANA QUE ENCONTRAMOS A VERDADEIRA ESSÊNCIA DA NOSSA EXISTÊNCIA

Ana Ferreira 

Assistimos, ainda incrédulos, todos os dias ao desenrolar da situação trágica que acontece na Ucrânia.

Assistimos, ainda incrédulos, à barbárie que nos chega quase em direto, do sofrimento daquele povo, como se também estivéssemos ali naquele momento.

Assistimos, ainda incrédulos, ao pior do ser humano! Ao lado negro, primitivo e irracional que todos e cada um de nós tem.

Assistimos, ainda incrédulos, à pior crise de refugiados que aconteceu em tão curto espaço de tempo! Seres humanos que são obrigados a deixar tudo para trás para se manterem vivos. Deixam os seus sonhos, a sua vida, familiares, amigos na troca do incerto!

Assistimos, ainda incrédulos, à completa e quase passividade do mundo, face á postura de um ditador narcisista, com muitos complexos pessoais, muita falta de amor na sua infância, falta de auto estima e amor próprio.

Assistimos, ainda incrédulos, aos desígnios de alguém que decide exterminar outro país, outro povo, outra cultura!

Mas, o mundo acredita no povo Ucraniano! Acredita no seu presidente como símbolo da HUMANIDADE. Assistimos, crédulos, ao heroísmo de um presidente e de uma primeira-dama que são os líderes de um povo corajoso que continua firme a lutar pelos seus valores e pela sua pátria. Assistimos também  à maior onda de solidariedade mundial de que tenho memória!

Faz-me acreditar que afinal ainda há HUMANIDADE!

O povo uniu-se, o mundo uniu-se e todos somos Ucrânia!

O exemplo de humanidade, coragem, honra, determinação, compaixão e empatia, chegou-nos pelas palavras e postura de Zelensky. Uma “figura” de um presidente criada fora do “seio político” e que mostra a todos os políticos do mundo, muito caráter, patriotismo, honra, coragem e acima de tudo amor á pátria e ao seu povo!

E sabem que mais! Precisamos de muitos Zelensky´s, espalhados pelo mundo fora e Portugal não é exceção! Até porque, assistimos incrédulos, á falta de coragem política de muitos governantes, na defesa do seu povo  na capacidade de liderança para assegurar um futuro próspero ao seu país.

Ao invés, assistimos a uma completa falta de ética política e social!

E o povo, esse continua pacífico, numa sociedade individual de revoltados, incapaz de exigir respeito pelo futuro deste país! O povo continua em silêncio, apático, resignado e completamente entorpecido. Falta coragem, determinação, honra e amor á pátria!

Assistimos incrédulos, á falta de coragem de cada um de nós, de dizer basta, em dar opinião, em criticar ou questionar, em exigir responsabilidades de quem tem nas mãos, o nosso destino. De fazer ouvir a nossa voz! De exigir aos nossos governantes que sejam Zelensky também.

Ao invés, vivemos de futebol como se fosse a nossa tábua de salvação, num país que se está a afundar!

Que Zelensky seja um exemplo para todos nós! Que os nossos políticos o tomem como referência. Que  cada um de nós também o tome e ao povo Ucraniano, como referência e exemplo  na luta pelos nossos direitos e pelos nosso sonhos!

Que a coragem do povo Ucraniano, seja um exemplo a seguir! Que a humanidade aprenda alguma coisa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.