Home>Saúde e Vida>NEURÓNIOS ESPELHO – A VIOLÊNCIA INDUZIDA
Saúde e Vida

NEURÓNIOS ESPELHO – A VIOLÊNCIA INDUZIDA

Os neurónios – espelhos são células que estão localizadas no córtex pré-motor, designadas por neurónios viso-motores.

Os neurónios são células que transmitem os impulsos nervosos de umas células para as outras. Estas células são ativadas quando uma pessoa realiza ou visualiza uma ação e é pela execução das ações que que nós ativamos os neurónios espelho.

Os Neurónios espelhos foram descritos por Risolate em Itália nos anos 90, durante uma investigação que faziam com macacos. Nessas pesquisas pretendiam fazer o estudo das suas reações, e o seu comportamento sobre as suas atividades motoras e constataram, que quando os macacos executavam uma ação, e os que os observam (macacos observadores), apenas com olhar ao verem os seus comportamentos deles as áreas dos seus neurónios espelho do córtex cerebral (motor) eram ativadas também.

O estudo das células neuronais – espelho, vieram despoletar a importância do seu conhecimento na explicação da empatia desenvolvida no relacionamento interpessoal (quer nas pessoas, quer nas crianças), sendo que esta cognição social permite interpretar e antecipar os comportamentos e as ações das pessoas através da ativação dos neurónios espelho.

Esta cognição social permite interpretar as ações das outras pessoas, que ficam em estado de alerta desenvolvendo e antecipando comportamentos que podem ser bons ou maus conforme a visualização dos atos que presenciam (por exemplo de violência).

A ativação dos neurónios espelho permite predizer o que as pessoas estão fazendo (ato motor), imitando os comportamentos de grupo, através da ativação das suas áreas do cérebro.

Ficam em estado de alerta.

Bocejo contagioso comportamento reflexo

Tende a imitar pessoas interpretar as ações das outras pessoas colocando-nos no lugar de outras pessoas

Predizer comportamento das pessoas

Trabalhar os comportamentos colocar-se no lugar dos outros e ter mais empatias

Interpretar no lugar das outras pessoas

Ato motor pessoas correndo

Os neurónios espelhos permitem antecipar os comportamentos das pessoas

Seres imitares comportamentos dos pares

Sempre me despertou o momento de penetrar na Luz, porque é único, onde a consciência ocupa o papel principal de protagonista.

“Damásio- se a elucidação é a ultima fronteira das ciências da vida, a consciência parece ser o último mistério da elucidação da mente “

A consciência faz parte da evolução humana sem a qual as criações não seriam realizáveis.

A moral, a religião, as artes, as ciências, a organização social e política, a tecnologia, não existiriam sem consciência.

É a função biológica da consciência que nos dá o acesso a alegria, a tristeza, a dor, a felicidade, a vergonha, ao orgulho, ao amor.

A consciência é a chave da vida, e através dela que desenvolvemos os interesses, a felicidade, a arte de viver.

Os padrões mentais, que a consciência determina são individuais, cada um tem a sua mente que determina os seus comportamentos.

A saída de obscuridade e a entrada no caminho que nos irá iluminar é de fato uma mudança de tal forma emocionante que o sentimento de si, passa a ser o sentimento para si.

Antes da queda da Atlântica, nós separávamos o corpo do espírito, mediante a manipulação do nosso ADN, diminuíram as nossas capacidades para nos conectarmos com a Deusa/Deus.

Tudo o que É.

Que a Luz e o Amor restabeleçam o Plano Divino da Terra.

Trabalhador da Luz no caminho a Ascensão.

Se surgirem barreiras no percurso espiritual o progresso da nossa autorrealização ficará bloqueado, limitando o acesso para o Eu Supremo.

Os sentimentos humanos dependem da consciência Darwin, James e Freud não foram claros no componente cerebral das suas ideias, todavia Hunghlings Jackson já foi mais explícito.

Na ciência do seculo XX a emoção passou a estar novamente no cérebro e deixou o corpo e a emoção acabou por ser abraçada pelas neurociências e pelas ciências cognitivas.

As emoções são conjuntos de respostas químicas e neurais.

O cérebro constrói memórias, faz registos de tudo o que vivenciamos, elabora a imagem que construímos do passado vivido e do futuro antecipado, cria a memória biográfica, que nos permite reagir de uma forma individual às principais emoções: zanga, medo, aversão, tristeza, felicidade e surpresa.

A consciência sente-se, podemos ou não considerá-la um sentimento?

Malebranche, filósofo francês do seculo XVII, aprovaria esta descrição, dado que escreveu o seguinte, há cerca de trezentos anos atrás:

“É através da luz e através de uma ideia clara que a mente vê a essência das coisas, dos números e da extensão.

E através de uma ideia vaga ou através de uns sentimentos que a mente ajuíza sobre a existência das criaturas e se apercebe da sua própria existência”

Namastê

“Há uma realidade que existe por si mesma e que constitui a base da nossa consciência do ego.

Essa realidade é a testemunha dos três estado da nossa consciência e difere dos cinco invólucros corporais

Essa realidade é o conhecedor em todos os estados de consciência. Vigília, sono, sonho e sono sem sonhos.

Ela esta consciente da presença ou da ausência da mente e das suas funções. É o Atman”

Shaukara (788-820. D.C).

Goshenita (Aquaris).

Goshenita é a pedra da frequência mais alta da família dos Berilos, ativando com vigir os chakras do terceiro olho e coroa, ele oferece elevação, inspiração, alívio das preocupações. Na meditação ele melhora as visões interiores e é uma excelente guia em viagens para outros níveis de consciência e outras frequências dimensionais.

Goshenita pode melhorar o poder da oração, em especial quando alguém pede ajuda, quer seja em questão de saúde, crescimento espiritual ou relacionamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.